28 de mai de 2011

Eu o amei, em segredo mas amei...


O amor que eu sentia deixei-o preso,
como um pássaro em uma gaiola.
Eu sabia que me pertencia e sabia onde estava,
nunca abri a gaiola com medo de que a verdade
o levasse para longe de mim.

Passei anos pensando, se deveria deixar que
soubessem do meu amor impossível.

Estava quase tomando coragem de lhe dar a liberdade,
quando percebi que o pássaro estava morto.
Não fui eu que o matei, talvez ele tenha morrido
porque pensou que ninguém o amava.

Eu o amei, em segredo mas amei...


13/02/1.998
Autora: Sandra Ribeiro


27 de mai de 2011

Momentos com você...


Em qualquer situação,
estar ao seu lado torna qualquer momento inesquecível.
Estar com você, é ter a paz que sempre busquei.

Te amo.

Autora: Sandra Ribeiro

24 de mai de 2011

Agora que perdi o seu amor...


Os nossos sonhos nunca 
se tornaram reais.
Você nunca sofreu ao me perder...
Nunca procurou motivos para
recomeçarmos, nunca buscou
um caminho que nos levasse
de volta ao começo...

Por favor, não volte mais!

O melhor agora é viver sem você,
esperando encontrar um novo e
verdadeiro amor.


Autora: Sandra Ribeiro


23 de mai de 2011

Canção das mulheres


Que o outro saiba quando estou com medo, e me tome nos braços sem fazer perguntas demais. 

Que o outro note quando preciso de silêncio e não vá embora batendo a porta, mas entenda que não o amarei menos porque estou quieta. 

Que o outro aceite que me preocupo com ele e não se irrite com minha solicitude, e se ela for excessiva saiba me dizer isso com delicadeza ou bom humor. 

Que o outro perceba minha fragilidade e não ria de mim, nem se aproveite disso. 

Que se eu faço uma bobagem o outro goste um pouco mais de mim, porque também preciso poder fazer tolices tantas vezes. 

Que se estou apenas cansada o outro não pense logo que estou nervosa, ou doente, ou agressiva, nem diga que reclamo demais. 

Que o outro sinta quanto me dóia idéia da perda, e ouse ficar comigo um pouco - em lugar de voltar logo à sua vida. 

Que se estou numa fase ruim o outro seja meu cúmplice, mas sem fazer alarde nem dizendo ''Olha que estou tendo muita paciência com você!''

Que quando sem querer eu digo uma coisa bem inadequada diante de mais pessoas, o outro não me exponha nem me ridicularize. 

Que se eventualmente perco a paciência, perco a graça e perco a compostura, o outro ainda assim me ache linda e me admire. 

Que o outro não me considere sempre disponível, sempre necessariamente compreensiva, mas me aceite quando não estou podendo ser nada disso. 

Que, finalmente, o outro entenda que mesmo se às vezes me esforço, não sou, nem devo ser, a mulher-maravilha, mas apenas uma pessoa: vulnerável e forte, incapaz e gloriosa, assustada e audaciosa - uma mulher.

Autora: Lya Luft

19 de mai de 2011

Entrega...


...Ele me segurou e encostou seu corpo ao meu,
e me beijou como se aquele fosse o último instante de nossas vidas.
Não há palavras para descrever o quanto foi maravilhoso,
um descobrir-se mútuo como se o amanhã 
só pertencesse a nós dois...

(Sandra Ribeiro)

[trecho retirado do meu diário 19/12/2.005]

17 de mai de 2011

Paixão


A paixão é como o vento,
primeiro nos acaricia suavemente,
e muitas vezes causa estragos com sua força desmedida.
E não depende da nossa vontade,
controlar a força que o vento possui...

Autora: Sandra Ribeiro

15 de mai de 2011

Ela era livre por dentro...


Coragem não lhe faltava,
mas por mais que lutasse não conseguia libertar-se,
sua força era insuficiente para o tamanho do que lhe prendia.
Sua vida chegou ao fim sem que conseguisse 
a liberdade no mundo real e cruel.

Mas saibam que ela não foi de tudo prisioneira,
porque sua alma era livre e podia voar, 
para onde voam os que ousam dar vida aos sonhos.

Para onde voam quem é prisioneiro apenas no corpo,
porque o que há por dentro é a liberdade 
que por fora lhe foi negada...


Autora: Sandra Ribeiro.


13 de mai de 2011

Eu poderia mentir pra você...

Eu poderia dizer que já não o amo mais,
que não me lembro de tudo que vivemos
com tanta frequência.

Eu poderia dizer que quando o telefone toca,
meu coração não dispara imaginando que é você me ligando.

Eu poderia mentir para mim mesma,
dizendo que não sonho com um recomeço,
ou pelo menos com um reencontro onde eu tenha a
oportunidade, de me desculpar e explicar algumas coisas...

Eu poderia mentir pra você e para os outros,
só não posso mentir para a minha solidão,
e nem para as lágrimas que neste momento,
são testemunhas mudas da minha imensa tristeza.

Autora: Sandra Ribeiro

11 de mai de 2011

Ninguém além de mim...


Só quero ter certeza, 
que no seu coração não há ninguém além de mim.
Quero que me sinta perto, quando eu estiver longe.

Enquanto em mim, o amor transborda...

Autora: Sandra Ribeiro

10 de mai de 2011

Palavras ausentes


As palavras que não escrevo,
são as que definem quem sou eu.
Mas para dizer a verdade,
já não tem mais tanta importância...
Sinto-me ausente de mim.

Autora: Sandra Ribeiro

9 de mai de 2011

Às vezes eu escrevo poesias...


Leia os meus versos,
absorva cada palavra e enxergue além
delas, veja o meu interior,
a parte que não se cala e que ganha vida
quando alguém lê.
A inspiração vem, e sinto a necessidade de
repassar as emoções, não importa se de amor ou dor,
importa é não sufocá-las, eu quero dividir com você.

O que seria dos meus versos, 
se morressem solitariamente sem serem lidos?

Haverá uma maneira de agradecer a cada um,
que algum dia perdeu um pouquinho de tempo
para ler aquela tal de Sandra Ribeiro?


Autora: Sandra Ribeiro,
a cada dia mais encantada com tantas pessoas
lindas que aqui vêm.

8 de mai de 2011

Ao Pai

"O caráter pode se manifestar nos grandes momentos, 
mas ele é formado nos pequenos, um Pai constrói Homens." 

Autor: Phillips Brooks
"A vezes o homem mais pobre deixa a seus filhos 
a herança mais rica." 

Autora: Ruth E. Renkel
"É um homem sábio o que conhece a seu próprio filho."

Autor: William Shakespeare

7 de mai de 2011

Em constante mudança


Perdemos muito tempo tentando definir
quem somos, ou quem são os outros.
Por isso às vezes temos a impressão de conhecer alguém,
e essa pessoa age de uma maneira que nos decepciona,
e concluímos que não a conhecíamos na realidade.

Então a verdade é, não há definição nem para os outros
e nem para nós mesmos, porque estamos em constante
mudança a cada novo dia.

E mudar nos dá a sensação de que falta algo,
e ignorar e não ir à luta, é parar em um tempo
que fica bem distante do que poderia ser a paz interior.

O que nos realiza mais, senão a paz?

Autora: Sandra Ribeiro

6 de mai de 2011

Apenas versos...


Do nosso passado nada restou além dos meus versos.
Lembranças que atormentam, materializadas em palavras.

Autora: Sandra Ribeiro

5 de mai de 2011

Diga não ao preconceito

"Triste época !
 É mais fácil desintegrar um átomo que um preconceito."
(Albert Einstein )


"Os preconceitos têm raízes mais profundas 
que os princípios."
(Nicolau Maquiavel )

A maioria dos brasileiros é contrária à adoção de crianças 
por casais homossexuais, 
segundo pesquisa do Datafolha. 
O estudo, realizado durante o mês de maio 
com 2.660 pessoas do todo o país, 
revelou que 51% dos entrevistados acreditam que 
casais formados por pessoas do mesmo sexo não
 devem ter o direito à adoção,
 enquanto 39% apóiam a prática.

Eu sou a favor da adoção por qualquer pessoa,
que seja capaz de doar amor.

(Sandra Ribeiro)





3 de mai de 2011


Você está em mim.
Dentro do meu pensamento, 
dentro do meu corpo, no meu sangue,
na minha pele, na minha saudade...

E no meu amor.

Autora: Sandra Ribeiro

2 de mai de 2011


Não importa quanta dor eu já senti,
importa mesmo, é que deixou de doer...

Só sobraram discretas cicatrizes,
e com isso dá pra conviver, essas pequenas
marcas, não me impedirão de acreditar na felicidade
que está invadindo a minha vida agora...

Autora: Sandra Ribeiro